quarta-feira, 24 de março de 2010

Resenha Crítica do Livro "Como ordenar as ideias".

Resenha do livro como " Como ordenar as ideias"
(Como ordernar as ideias. 8 ed. São Paulo: Ática 2001.59p)
    Edivaldo Boaventura, escritor do livro "como ordenar as ideias", passa para seus leitores dicas de como produzir textos de qualidade, oportunizando ao leitor facilidade na hora de fazer uma dissertaçã, obtendo-se "um ponto de partida" e "um ponto de chegada", visto apontar a reflexão de ideias a sua conclusão. Ela é dividida em partes: introdução, desenvolvimento e conclusão. A obra tem como principal objetivo ensinar a ordenar o pensamento na hora da escrita, para se ter coesão, coerência, clareza, objetividade e entre outros aspectos que são necessários em um bom texto.

   O referido autor sabe se expressar acerca do tema, mostrando ao longo dos capítulos, não só a parte teórica, na qual dá dicas e regras de como se desenvolver um texto, mas também uma parte prática, nesta cabe exemplos e formas de estruturar um bom texto, assim facilita o entendimento do leitor. Responde as perguntas mais frequentes de quem tem dificuldade em elaborar uma dissertação, coloca situações, das mais simples às mais complexas, sobre o tema.
 
    A ordem das ideias começa na reflexão, o que ainda está em plano, para depois produzir um texto escrito, uma abordagem essencial para se escrever bem. A divisão do segundo capítulo, "O anúncio do tema", é feita de forma sequencial, vindo em primeiro plano"refletir antes de anunciar", característica de um bom texto. Os outros três ( a função da introdução, os requisitos a introdução e exemplos de introdução) mostram elementos contidos em uma boa introdução, como ter uma ideia principal e ideias secundárias; definir a questão, mostrando objetivo, situando o problema, despertando o interesse e decompondo os elementos; e, principalmente, indicar as ideias centrais.
 
   Outro ponto de destaque é o desenvolvimento. Esse é feito por partes: a decomposição como condição da compreensão; aproximação do plano definitivo, no qual apresenta-se um plano provisório; a quantidade de partes sendo elas divididas em duas no máximo três, para facilitar a escrita; tipos de divisão vitandos, preparar um plano para a obtenção de clareza e lógica; busca de equilíbrio, ligando as partes entre o assunto que se escreve. Todos esses requisitos acarretam para a obtenção de um desenvolvimento bem estruturado.
Para finalizar um texto, é necessário que exista a conlusão. Nela estará presente a síntese da essência do conjunto, um desfecho de todo assunto abordado anteriormente, contendo argumentoa maciços. É importante que na conclusão tenha objetividade para que ocorra um bom fechamento do assunto.
 
   Dessa forma, pode-se afirmar que o conteúdo da referida obra é extenso e, consequentemente, cansativo para o leitor, por conter partes nas quais apontam detalhes e redundâncias. Boaventura faz muita referência aos franceses, dando a ideia que só eles "são mestres do ofício da arte de pensar e do cultivo do raciocínio", ao passo que os brasileiros, apenas sabem jogar futebol. Com isso, os desvaloriza em relação a educação, que infelizmente, ainda precisa de uma grande melhora e ser mais valorizada no Brasil.


"Ingrid Melo de Oliveira, Acadêmica do curso de enfermagem da Faculdade São Francisco de Barreiras (FASB)".

Disciplina: Português Instrumental.
Professor: Aderlan

5 comentários:

  1. Por se tratar de um resenha acho que faltou ter mais ponto de vista da resenhista,(utilizou muitos elementos do texto - resumo). Mas está legal!

    ResponderExcluir
  2. GOSTEI MUITO DO LIVRO COMO ORDENAR AS IDÉAIS É BOM LIVRO PARA A VIDA DE UM ESTUDANTE!!!!

    ResponderExcluir
  3. Vc foi bem crítica mesmo hein, gostei dos "puxões de orelha" no Boaventura por pagar-pau para os franceses...

    Comenta aki a minha resenha:
    http://legion-legionario.blogspot.com/2010/08/resenha-do-livro-como-ordenar-as-ideias.html

    ResponderExcluir
  4. Muito boa esta resenha Ingrid,parabéns...

    ResponderExcluir
  5. O que seria OS REQUISITOS DA INTRODUÇÃO?

    ResponderExcluir

Coloquem seu ponto de vista acerca do tema, críticas à vontade. ^^